As questões ligadas ao Direito de Família e Sucessões por vezes causam desgastes emocionais nas partes envolvidas, gerando conflitos sem propósito. Em razão disso, o profissional que atua nessa área não pode se restringir à mera aplicação mecânica da lei, pelo contrário, deve atuar como mediador entre as partes, a fim de evitar conflitos que podem deixar cicatrizes eternas.

Parte dos conflitos que se instalam, são frutos do desconhecimento ou interpretação errônea dos envolvidos acerca dos direitos e deveres esculpidos nas normas concernentes ao direito de família e sucessões.

É nesse ponto que o escritório se diferencia na atuação na área de família e sucessões. Com atuação preventiva, informativa, sigilosa – no que tange às questões familiares –, pacífica e, sempre que possível, mediadora, o escritório visa sempre, em primeiro lugar, preservar intacto os laços afetivos, a fim de evitar desgastes emocionais e psicológicos.

A atuação contenciosa e consultiva abrange, dentre outras, as seguintes:

Separações, divórcios;

Alimentos, revisional de alimentos, exoneração de alimentos;

Guarda e regulamentação de visitas;

Partilha de bens;

Inventários e arrolamentos.